Locais

Vídeos mostram parasitas em olhos de peixes; veterinário desmente boatos sobre infecção de seres humanos

ÓTICAS GUIMARÃES

Vários vídeos estão circulando nas redes sociais que mostram vermes se movendo nos olhos de alguns peixes pescados em açudes da Paraíba, sobretudo no sertão do estado. Segundo as informações que circulam, os parasitas estariam infectando a população que consomem estes animais contaminados.

Sobre esta polêmica, a reportagem do Patosonline.com foi saber do que se tratam esses vermes e se eles são, de fato, prejudiciais à saúde do ser humano. A redação entrevistou o veterinário Marconi Palmeira, da EMPAER em Patos, que explicou melhor essas informações.

“Trata-se de uma Fake News. Esses parasitas que estão nos olhos dos peixes não estão adoecendo os seres humanos, são informações que amedrontam o povo. Essas informações desencontradas trazem transtornos para a população. São parasitas de ciclo indireto e precisam de outros hospedeiros, depois que chegam no intestino dos peixes eles passam para os olhos desses animais, onde ficarão até o fim do seu ciclo. Os seres humanos não chegam a ser contaminados por esses vermes, pois eles acabariam morrendo caso sejam ingeridos”, esclareceu Marconi.

Um ouvinte ligou para a Rádio Espinharas de Patos, na tarde desta segunda-feira (11), para dar o depoimento de que havia pescado um peixe com esse verme nos olhos e, segundo ele, que mora em Areia de Baraúna, confirmou que alguns peixes de fato estão apresentando essa contaminação.

Marconi Palmeira explicou melhor como funciona esse clico dos parasitas que se hospedam nos olhos dos peixes e falou como ocorre esse processo; ouça no áudio abaixo

Marconi Palmeira desmente boatos sobre infecção de seres humanos

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo