Politica

Vereadores de Patos batem boca durante votação na sessão desta terça (28); ouça aqui

ÓTICAS GUIMARÃES

A sessão da Câmara de Patos voltou à modalidade presencial nessa terça-feira, dia 28, e começou com grande bate-boca entre os vereadores. O polêmico Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município, que permite que seja implantada contribuição extraordinária para os servidores públicos municipais por um período de 20 anos, estava em votação, mas causou grande burburinho.

O vereador Zé Gonçalves, enquanto estava tentando usar a tribuna, se mostrou indignado pela falta de ordem e criticou a forma como os trabalhos estavam sendo levados na Casa.

“Aqui nós só temos dois caminhos, ou vota a favor dos servidores ou vota contra. Eu gostaria que me fosse assegurada a palavra. Eu me inscrevo de novo. Enquanto falar eu vou falar também. O regimento não diz que o líder do governo tem que falar por último não. Eu tô tentando falar. Eu fui citado, tenho direito de me defender. Estamos sendo impedidos de falar, estamos sendo atropelados”, reclamou Zé Gonçalves.

Já o vereador Jamersom Ferreira, disse que apenas a oposição estava falando sobre a votação e a oposição estava sendo impedida de questionar pontos importantes do projeto.

“Eu só falei uma vez, presidente. Se todo mundo está na segunda rodada o regimento me garante. Eu falo depois do vereador Sales. Vamos até meia-noite. Eu tô aqui para trabalhar”, disse Jamersom Ferreira.

O líder do prefeito rebateu as acusações: “Interessante Josmá falou duas vezes, Jamersom falou duas vezes e a presidente não disse nada”, argumentou Sales.

Ouça no áudio abaixo o momento em que quase todos os vereadores se exaltaram na sessão e a presidente decidiu colocar o projeto em votação sem as falas dos vereadores:

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo