Vereadora Lucinha cobra auditoria prometida por Ivanes e afirma que dinheiro da arrecadação de mercados e matadouro deve ser investido em melhoria



A vereadora Lucinha Peixoto (PC do B) utilizou a Tribuna da Câmara Municipal de Patos nesta terça-feira, 27/08, para cobrar do prefeito interino, vereador Ivanes Lacerda (PMDB), a auditoria relativa a arrecadação de mercados e matadouros que, segundo a parlamentar, fora prometida logo após a sua posse.

A parlamentar ainda informou que a arrecadação das taxas dos mercados, feiras e matadouro (cobrança de feirantes e marchantes) é feita em mãos, mediante recibo, quando deveria ser feita através de boleto bancário. Em Patos uma Lei Municipal de autoria da vereadora Tide Eduardo (PMDB) obriga que a arrecadação se dê através de boleto.

Em um aparte requerido pelo vereador Ederlan de Oliveira (PV), Goia disse que tinha documentos em mãos que provava que só do matadouro, entre janeiro e julho de 2019, já teriam sido arrecadados mais de R$ 350.000,00 (trezentos e cinquenta mil reais) em mãos. Lucinha Peixoto afirmou ainda que anualmente a arrecadação em espécie passa dos R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais) e que ninguém sabe onde esse dinheiro é gasto, pois nos mercados e matadouro está faltando materiais (até de limpeza).

Por fim, a vereadora Lucinha Peixoto requereu do vereador Ivanes Lacerda que providenciasse a arrecadação através de boleto bancário em uma conta específica e que o valor das taxas pagos pelos feirantes e marchantes sejam investidos exclusivamente em benefício dos mercados, feiras e matadouro.

VEJA O VÍDEO:

Assessoria




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.