Vereador Zé Gonçalves (PT) reafirma mandato em sintonia com as demandas do povo



Em seu primeiro discurso na Câmara Municipal, na noite dessa quinta-feira (11/02), o sindicalista e vereador Zé Gonçalves (PT) deu o tom do seu mandato ao reforçar a necessidade de fazer da Casa Juvenal Lúcio de Sousa, um espaço inerente às demandas e prioridades do povo de Patos. Ele também fez um agradecimento a todos que contribuíram com a sua eleição, especialmente aos que foram candidatos na chapa do PT, citando nominalmente os 22 companheiros e companheiras.

Zé Gonçalves citou a situação crítica em que se encontram as unidades básicas de saúde onde das 41 existentes, mais da metade estão interditados o atendimento odontológico, como também de procedimentos para a enfermagem como curativos e aplicação de injeções. Além disso, o vereador citou o problema da moradia, onde existe um déficit habitacional do município superando 15 mil moradias.

Outro problema grave destacado pelo vereador foi a falta de esgotamento sanitário, pois em cada 100 casas do município, apenas sete possuem tratamento de esgoto. A poluição dos rios Espinharas, Farinha e da Cruz, precisa de solução urgente, conforme ele. A situação das comunidades mais distantes do centro, tais como: Matadouro, Sete Casas, Alto da Tubiba, Vila Teimosa, são as mais penalizadas e o Distrito de Santa Gertrudes, que só é lembrado em véspera de eleição, mas que agora será encaminhado solução para os problemas lá existentes. “O saneamento básico do Distrito de Santa Gertrudes não foi concluído e os esgotos estão descendo para os açudes do Assentamento Patativa do Assaré prejudicando os agricultores”, destacou o parlamentar.

Outro destaque do vereador foi em relação à situação de congelamento de salários e gratificações dos servidores do município, a falta de equipamentos de proteção individual (EPI), falta de condições de trabalho, não pagamento de férias, não implantação das progressões e taxou como grande golpe o aumento da alíquota da previdência de 11% para 14%, aprovado pela Câmara Municipal na legislatura passada sacrificando ainda mais a vida dos servidores. “Estou aqui para defender os interesses e direitos dos servidores públicos municipais e do povo de Patos, lutando para que não se repitam os ataques por parte de prefeito com apoio da maioria dos vereadores, que venham a prejudicar quem quer que seja”, alertou o sindicalista.

O vereador Zé Gonçalves apresentou 13 requerimentos, todos aprovados por unanimidade. Além disso, o mesmo apresentou 2 projetos de lei (PL) que tratam da alteração na Lei de Criação do Conselho Municipal da Pessoa Idosa, a pedido de sua presidente, como também outro PL que trata da concessão de alvarás para taxistas no município.