Vereador Ranieri Ramalho vota favorável para PL do poder executivo, mas pede diálogo com prefeito antes da segunda votação. Ouça



Ranieri Ramalho, vereador da cidade de Patos, usou a tribuna online da câmara de vereadores de Patos, na noite da última terça-feira (25), para cobrar do líder do governo municipal, vereador Ferré Maxixe, uma reunião com o prefeito interino Ivanes Lacerda, no sentido de discutir melhorias e modificações no projeto de lei que foi para primeira votação.

O referido projeto de autoria do poder executivo, na pessoa do prefeito interino, Ivanes Lacerda, solicita alteração no dispositivo da lei municipal número 3.541/2006.

O mesmo versa benefícios direcionados às viúvas, com descontos no IPTU, entre outras providências. Durante a primeira apreciação e votação, boa parte dos vereadores defendeu que deve haver pequenas alterações que possam melhorar ainda os benefícios para quem mais precisa.

Nesse sentido, o vereador Ranieri Ramalho foi favorável ao projeto, mas também comungou que deve haver uma reunião com o prefeito Ivanes, antes da segunda votação que deverá acontecer nesta quinta-feira (28).

“E aqui eu faço um apelo ao líder do governo, vereador Ferré Maxixe, para que ele possa marcar uma reunião com o prefeito se possível amanhã, para que uma representação desta casa (…) vá até o prefeito, e ele assuma o compromisso de enviar esse projeto, fazendo exatamente essa correção, onde possa contemplar os servidores públicos, como também as viúvas do nosso município. Então vereador Ferré, aqui fica o meu apelo, como também os outros vereadores já fizeram, para que vossa excelência marque essa reunião amanhã com o prefeito, e a gente possa conversa com ele, e ele possa assumir esse compromisso diante dos vereadores. Então, voto a favor do projeto”, explanou o parlamentar.

Ouça mais detalhes no áudio que segue.

Matéria por Patosonline.com

Áudio – Câmara Municipal de Patos (Edição Higo de Figueiredo / Rádio Espinharas)




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.