Vereador Marcos Eduardo pede exoneração de Eliane Batista



O vereador Marcos Eduardo dos Santos (PMDB), presidente do Poder Legislativo Patoense, mais uma vez esqueceu-se do decoro parlamentar e soltou o verbo.

Disse ser o primeiro vereador a assinar o requerimento solicitando o pedido de exoneração da Secretária de Desenvolvimento Econômico de Patos, Eliane Batista. "(…) eu sou o primeiro vereador nesta casa, a assinar o requerimento… que o prefeito (‘desonere’) a secretária Eliane Batista. Me (‘discupe’) mais uma vez a expressão, fizeram uma merda grande…". Disse o presidente esquecendo-se que expressões que configurem transgressão ou que incentivem sua prática ferem o Decoro Parlamentar.

O presidente pediu que o prefeito Nabor Wanderley (PMDB) solicite imediatamente a exoneração da secretária que está sendo acusada de entregar casas do conjunto dos sapateiros a população em troca de votos.

Para o vereador oposicionista Ivanes Lacerda (PSD), a secretária Eliane Batista, não oferece mais condições de continuar na secretaria e disse que se for mantida na Pasta, o prefeito Nabor Wanderley (PMDB) estaria cometendo um afronta ao Poder Legislativo.

A secretária foi convocada a participar de uma Audiência Pública realizada na noite desta segunda-feira (07), sobre o problema habitacional no município e simplesmente não apareceu. A AP foi solicitada pelo vereador Ivanes Lacerda que ficou bastante desapontado com a ausência dela. Ele também fez duras críticas ao GIAASP (Grupo Independente de Análise e Ação Social e Política de Patos) que não mandou nenhuma representação ao local.

 

Portalpatos/ Mário Frade