Gerais

Véião: o cachorro idoso que sempre é visto no Banco do Brasil, em Patos

Cães de rua se tornaram comuns pelas vias públicas no Município de Patos. Cada um tem sua história, seus cuidadores, suas tristezas, alegrias e particularidades na cidade que tem mais cães abandonados, proporcionalmente, na Paraíba.

Quem frequenta a agência do Banco do Brasil, Centro de Patos, já deve ter se deparado com o cachorro conhecido por Véião. O nome foi dado diante da idade do animal. Veterinários relatam que ele tem 17 anos, ou seja, um idoso no fim de vida.

Nesta sexta-feira, dia 25, feriado nacional, o cachorro aproveitou o sossego e estava mais uma vez dentro da agência ao lado dos caixas eletrônicos. A cena não é rara, pois o Véião sempre é visto por todos e é tratado com respeito e compreensão.    

O jornalista Osvaldo Medeiros conhece bem a história do cachorro. Osvaldo sempre leva diariamente comida e água para Véião. O cachorro fica entre as imediações do Posto Paizão e o Banco do Brasil. “…nasceu na rua, cresceu na rua e vive na rua…é um senhor de idade! Tem artrose e problemas de locomoção…”, relatou Osvaldo.


Jozivan Antero – Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close