Valor levado pelos bandidos de Multbank de Patos pode ultrapassar 300 mil reais



O correspondente bancário PagFácil, localizado no Edifício Estevão, centro da cidade de Patos-PB, a 60 metros do posto policial do Fórum Miguel Sátyro, foi alvo de mais uma assalto este ano, por dois homens, que levaram mais de R$ 300 mil, segundo seu proprietário Valdir Batista.

O fato aconteceu logo que a loja foi aberta, 8h. Os acusados chegaram em uma moto Honda Bros preta, números 3334, as letras não foram anotadas,  calmos, conversaram com os clientes que estavam no recinto.

“Fiquem calmos, pois não é nada com vocês”, assim falaram ao anunciar o assalto. Em seguida, de arma em punho, um entrou para o local em que o empresário fechava o malote para levar para depósito. “Ele pôs a arma em direção à minha cabeça e mandou que eu repassasse o malote”, comentou Valdir, que foi vítima de outro assalto em 14 de fevereiro deste ano, quando levaram R$ 13 mil no momento em que o funcionário se dirigia ao banco para efetuar o depósito.

O circuito de segurança gravou toda a ação dos bandidos, que não usaram capacete ou capuzes. Logo que saíram a Polícia foi informada e continua em diligência na tentativa de capturar a dupla. Praticamente todos os correspondentes bancários de Patos já foram assaltados.

Os funcionários trabalham assustados. Outro assalto este ano a malote de correspondente bancário rendeu R$ pouco maias de R$ 200 mil aos bandidos, que agem no centro da cidade com muita tranquilidade.

Geralmente policias permanecem em frete ao Ed. Estevão logo cedo, porém ainda não haviam chegado no momento da ação dos criminosos.

Marcos Eugênio