• Dra Milena
RegionalSertão

Umidade do ar despenca no Sertão e põe 98 cidades sob risco de incêndios e dano à saúde humana. Patos e vários municípios da região aparecem na lista

Umidade relativa deve variar entre 30% e 20% na região; mínimo recomendado pela OMS é 60%

ÓTICAS GUIMARÃES

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta amarelo (perigo potencial) de baixa umidade para 98 municípios do Sertão paraibano. O aviso é válido até as 19h desta quinta-feira (11).

De acordo com o alerta, a umidade relativa deve variar entre 30% e 20% nas áreas listadas, o que representa risco de incêndios florestais e à saúde humana.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estabelece que o índice mínimo de umidade do ar indicado para o ser humano é 60%. Portanto, o aviso do Inmet para o Sertão da Paraíba aponta para um estado de atenção na escala psicrométrica.

A recomendação é de que a população local beba bastante líquido, evite exposição ao sol nas horas mais quentes e evite desgaste físico nas horas mais secas. Umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com água e molhamento de jardins também podem ajudar.

Municípios sob alerta de baixa umidade

  1. Água Branca
  2. Aguiar
  3. Amparo
  4. Aparecida
  5. Areia de Baraúnas
  6. Belém do Brejo do Cruz
  7. Bernardino Batista
  8. Boa Ventura
  9. Bom Jesus
  10. Bom Sucesso
  11. Bonito de Santa Fé
  12. Brejo do Cruz
  13. Brejo dos Santos
  14. Cachoeira dos Índios
  15. Cacimba de Areia
  16. Cacimbas
  17. Cajazeiras
  18. Cajazeirinhas
  19. Carrapateira
  20. Catingueira
  21. Catolé do Rocha
  22. Conceição
  23. Condado
  24. Coremas
  25. Curral Velho
  26. Desterro
  27. Diamante
  28. Emas
  29. Ibiara
  30. Igaracy
  31. Imaculada
  32. Itaporanga
  33. Jericó
  34. Joca Claudino
  35. Junco do Seridó
  36. Juru
  37. Lagoa
  38. Lastro
  39. Livramento
  40. Mãe d’Água
  41. Malta
  42. Manaíra
  43. Marizópolis
  44. Mato Grosso
  45. Maturéia
  46. Monte Horebe
  47. Monteiro
  48. Nazarezinho
  49. Nova Olinda
  50. Olho d’Água
  51. Ouro Velho
  52. Passagem
  53. Patos
  54. Paulista
  55. Pedra Branca
  56. Piancó
  57. Poço Dantas
  58. Poço de José de Moura
  59. Pombal
  60. Prata
  61. Princesa Isabel
  62. Quixaba
  63. Riacho dos Cavalos
  64. Salgadinho
  65. Santa Cruz
  66. Santa Helena
  67. Santa Inês
  68. Santa Luzia
  69. Santana de Mangueira
  70. Santana dos Garrotes
  71. Santa Teresinha
  72. São Bentinho
  73. São Bento
  74. São Domingos
  75. São Francisco
  76. São João do Rio do Peixe
  77. São José da Lagoa Tapada
  78. São José de Caiana
  79. São José de Espinharas
  80. São José de Piranhas
  81. São José de Princesa
  82. São José do Bonfim
  83. São José do Brejo do Cruz
  84. São José do Sabugi
  85. São José dos Cordeiros
  86. São Mamede
  87. Serra Grande
  88. Sousa
  89. Sumé
  90. Taperoá
  91. Tavares
  92. Teixeira
  93. Triunfo
  94. Uiraúna
  95. Várzea
  96. Vieirópolis
  97. Vista Serrana
  98. Zabelê

Fonte: Portal Correio


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo