TRE confirma cassação de diploma do vice-prefeito de Patos



O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) cassou na sessão desta sexta-feira (6) o diploma do vice-prefeito de Patos. Antônio Ivânio Ramalho de Lacerda foi multado em R$ 30 mil.

De acordo com a relatora do processo, Cristina Garcez, o Tribunal deu provimento parcial ao recurso contra decisão que julgou parcialmente procedente Investigação Judicial Eleitoral, cassando o diploma do vice-prefeito.

Também na manhã de hoje, o Tribunal Regional Eleitoral indeferiu pedido dos advogados de  defesa do ex-senador Ney Suassuna de extinção de processo movido pelo Ministério Público contra o peemedebista por corrupção eleitoral nas eleições de 2006. A alegação de prazo vencido não foi acatada pela Corte.

A denúncia de autoria do Ministério Público, no entanto, continua correndo em segredo de Justiça.

Foram julgados pela Corte na sessão de hoje 23 processos de denúncia de corrupção eleitoral. 

Fernando Rodrigues
ClickPB