Esportes

SUL-AMERICANA: Bahia perde, Independiente leva clássico e chileno surpreende

ÓTICAS GUIMARÃES

A Copa Sul-Americana continua a todo vapor. Seis jogos foram realizados na noite desta quinta-feira. Único brasileiro em campo, o Bahia perdeu para o Melgar por 1 a 0. Destaques também para o Independiente, que levou o clássico contra o Atlético Tucuman e para o Coquimbo Unido, do Chile, que fez 3 a 0 no Estudiantes de Mérida.

FAVORITISMO?
Três jogos deram continuidade no início da noite. O Emelec confirmou o favoritismo e, mesmo na Argentina, bateu o Unión, por 1 a 0, com gol de Barcelo. O time equatoriano poderá jogar pelo empate no duelo de volta, em casa.

Quem também largou na frente, surpreendentemente, foi o Coquimbo Unido, que fez sonoros 3 a 0 no Estudiantes de Mérida, no Chile. Para avançar, poderá perder até por dois gols de diferença na Venezuela.

Assim como foi na Copa Libertadores da América, a Universidad Católica do Chile não iniciou o torneio com o pé direito. A equipe chilena ficou no empate sem gols diante do Sol de América, no Paraguai. Um empate com gols, na volta, dará a classificação para o clube paraguaio.

FECHANDO A NOITE…
Mais três jogos fecharam a noite desta quinta-feira. No clássico argentino, o Independiente confirmou o fator caso ao vencer o Atlético Tucuman por 1 a 0, no Libertadores da América. Na volta, poderá jogar por um empate para selar sua vaga.

Já no Uruguai, Plaza Colonia perdeu para o Junior Barranquila por 1 a 0. Na Colômbia, o time do ex-palmeirense Borja jogará pela igualdade.

No Peru, o Bahia saiu atrás e acabou derrotado pelo Melgar por 1 a 0. Na Fonte Nova, precisará vencer por dois gols de diferença para seguir vivo na Copa Sul-Americana. O único gol do duelo foi marcado por Nino Paraíba, contra.


Por Agência Futebol Interior

Botão Voltar ao topo