Esportes

SP Crystal buscará “medidas cabíveis” contra Leandro Costa, do Central, após confusão

Confronto entre os clubes terminou antes mesmo dos 30 minutos do primeiro tempo. Confusão generalizada entre os atletas encerrou duelo preparatório das equipes

ÓTICAS GUIMARÃES

O amistoso entre Central e São Paulo Crystal, na última sexta-feira, foi para lá de problemático e segue fazendo barulho nos bastidores. Isso porque o clube paraibano já divulgou nota nas redes sociais e garantiu que “os vídeos serão encaminhados para as autoridades competentes” para buscar medidas “na esfera criminal e desportiva”.

A confusão começou após o desentendimento de dois atletas: Leandro Costa, atacante da Patativa, e o zagueiro Índio, do time da cidade de Cruz do Espírito Santo, na Paraíba.

A partida estava ainda aos 22 minutos do primeiro tempo, com o clube pernambucano vencendo por 1 a 0, quando uma confusão foi instalada. vídeo divulgado, o atacante e o zagueiro discutem de forma mais acalorada, até que parecem bater cabeça. Índio, zagueiro do São Paulo Crystal, então, caiu no chão e foi chutado duas vezes por Leandro Costa, o jogador mais experiente do elenco alvinegro, com 37 anos.

Na sequência, os atletas das duas equipes trocaram socos e empurrões. A confusão se estendeu até a entrada dos vestiários, com a participação das diretorias e comissões técnicas dos dois times.

Leandro afirma que foi agredido; SP Crystal se revolta

O atacante Leandro Costa não se esquivou de admitir que passou dos limites na confusão. No entanto, ele afirma que foi agredido pelo zagueiro Índio e que, por isso, perdeu a cabeça a ponto de partir para as agressões que cometeu.

— Quero pedir desculpa, eu fui agredido, mas talvez não precisasse ter agido daquela maneira. Acabou acontecendo, foi a minha reação. Sempre que vesti essa camisa foi de corpo e alma, eu dei a minha vida. Espero continuar fazendo isso. Tomei uma cabeçada e perdi a cabeça. Que isso não atrapalhe e não suje a minha história, estamos perto da estreia e vamos seguir firmes — desabafou o atacante.

O São Paulo Crystal, então, se manifestou contra a declaração do atleta.

CONFIRA A NOTA DO CLUBE PARAIBANO:

“NOTA OFICIAL

O São Paulo Crystal Futebol Clube vem a público esclarecer o ocorrido no jogo amistoso de ontem, com a equipe do Central de Caruaru, encerrado aos 24 minutos do primeiro tempo devido a uma confusão generalizada, iniciada por uma agressão por parte de um atleta da equipe do @centraldecaruaru.

Aos 24 minutos da partida, o nosso zagueiro Daniel Índio foi agredido pelo atacante Leandro Costa @leandrocosta11 da equipe do Central.

Na ocasião, o atacante do Central, Leandro Costa, deu uma cabeçada em nosso atleta Daniel Indio, e logo em seguida, o acertou com um soco. Após receber o soco, o nosso atleta caiu ao chão, sendo, em seguida, agredido com vários chutes proferidos pelo Leandro Costa, em atitude COVARDE E CRIMINOSA.

Diferente do que o Leandro Costa foi a público falar, o nosso atleta Daniel Indio não o agrediu, como podemos ver no vídeo.

O São Paulo Crystal repudia totalmente atitudes como essas, que fogem dos princípios desportivos e morais, que devem ser seguidos por pessoas que se dizem jogadores profissionais, ainda mais aqueles que já estão em fim de carreira.

Por fim, o São Paulo Crystal vem a público informar que tomará as medidas cabíveis contra o Leandro Costa na esfera criminal e desportiva”.

Fonte: ge PB


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo