Seis denúncias de ‘fura-fila’ na vacinação contra Covid-19 são registradas pelo MPF em cidades do Sertão. Veja



O Ministério Público Federal da Paraíba (MPF), atualizou os números nesta sexta-feira (29), da quantidade de denúncias recebidas pelo órgão sobre pessoas que suspostamente teriam furado a fila da vacinação contra a Covid-19 na Paraíba, que no momento é apenas para grupos prioritários.

No Sertão da Paraíba, cinco cidades registraram as denúncias no MPF das cidades de Patos e Sousa, foram elas: Teixeira (1), Catingueira (1), Sousa (1); Riacho dos Cavalos (1) e Piancó (2).

De acordo com o MPF, para denunciar, é importante reunir o máximo de informações possível, como o dia em que ocorreu o desvio, local, nomes de possíveis envolvidos e provas da prática como fotos, vídeos e mensagens que auxiliem na investigação. Esse material pode ser enviado diretamente pelo MPF Serviços, que aceita o envio de vídeos, fotos e documentos. O Ministério Público irá atuar para que os responsáveis por eventuais desvios sejam punidos.

Para enviar denúncias no celular, é só baixar o aplicativo MPF Serviços e enviar as informações e provas disponíveis. Pelo site www.mpf.mp.br/mpfservicos também é possível enviar representações. O telefone da Sala de Atendimento ao Cidadão é o (83) 9.9108-0933 (atendimento das 8h às 15h). As promotorias de Justiça do Ministério Público da Paraíba também podem ser acionadas.

A aplicação da vacina em qualquer pessoa fora desses critérios, nesse momento, é irregular e pode gerar apuração nos âmbitos da improbidade administrativa e penal, dentro da esfera de atribuição de cada ramo do Ministério Público.

Diário do Sertão