Secretários estaduais de saúde divulgam carta em que pedem medidas de restrição mais rígidas no combate ao novo coronavírus



Em carta aberta divulgada nesta segunda-feira (1º) os secretários estaduais de Saúde pediram medidas de restrição mais rígidas das atividades não essenciais. No documento, eles sugerem bloqueio total nos locais onde a ocupação de leitos estiver acima de 85% e houver tendência de elevação no número de casos e óbitos por Covid-19. 

Os membros do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) solicitaram, entre outras coisas, a proibição de shows, congressos, atividades religiosas e esportivas em todo o País. Também pede a suspensão das aulas presenciais em todos os níveis da educação e toque de recolher nacional, de segunda a sexta, das 20h até as 6h, inclusive durante fins de semana. 

Fonte: Brasil 61