• Dra Milena
Locais

Secretária se pronuncia sobre denúncia de casas abandonadas em Conjunto Habitacional em Patos

ÓTICAS GUIMARÃES

A imprensa de Patos vem repercutindo as denúncias de moradores do Conjunto Habitacional no bairro dos Sapateiros de que algumas casas estariam abandonadas há mais de cinco anos. Eles afirmam que, por falta de manutenção, algumas casas estão causando prejuízos às residências vizinhas, e outras estão sendo usadas por usuários de drogas e afins.

As casas foram construídas com recursos do governo federal e foram doadas a beneficiários do Bolsa Família, que estavam em lista de espera por uma casa em Patos. Sobre essas denúncias, a reportagem do Patosonline.com conversou com a secretário de Desenvolvimento Humano e Habitação, Mila Nóbrega, que explicou a situação.

“Nós precisamos entender que, após 10 anos, o beneficiário passa a ser o proprietário legal da casa. Quando a casa é entregue, por sinal pela CEAHP, essas casas passam a ser dos beneficiários. Entre o primeiro ano e até o décimo, ele continua pagando ao banco uma taxa. Se ele não é inadimplente com o banco, ele não terá a casa tomada. No entanto, há casos e mais casos nessas denúncias, que alguns saíram para ganhar a vida fora, mas pretendem voltar, outros o dono morreu, mas há herdeiros, outros alugam a casa a outro e vai morar em outro lugar, mas a casa é dele, porque está pagando e sua dívida está em dia”, comentou Mila.

Ainda de acordo com a secretária, diante de abandono, não necessariamente o proprietário vai perder a casa, mas ele será notificado para evitar que tal atitude causa problemas aos vizinhos, desde que a casa esteja com o pagamento em dia, uma vez que poderá ser tomada pelo banco.

“Entretanto, não importa qual local seja, nem de quem quer que seja o imóvel, a prefeitura poderá notificar para tomarem os devidos cuidados e não prejudicarem a vizinhança, como por exemplo casas fechadas que, de repente, passam a ser local para consumo de drogas, o mato toma de conta e outros. Então a prefeitura poderá tomar as providências e notificar diante dos transtornos causados aos moradores”, explicou a secretária.

O áudio na íntegra você ouve abaixo:

Patosonline.com

Image

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo