• Dra Milena
Politica

Sales Júnior diz que não houve má fé e que emenda do vereador Zé Gonçalves vai de contra o que foi acordado com sindicalistas. OUÇA

ÓTICAS GUIMARÃES

O vereador e líder do governo municipal na Casa Legislativa, Sales Júnior, falou para a imprensa patoense nesta sexta-feira, dia 12 de agosto, e na oportunidade explicou não houve má fé em retirar da votação o Projeto de Lei que previa acréscimos salariais para os Agentes Comunitários de Saúde (ACSs) e Agentes de Combate às Endemias (ACEs).

Segundo Sales Júnior, nesta quinta-feira (11) o Projeto já deveria estar sendo votado em 2ª votação pela Câmara Municipal de Patos, mas uma emenda de autoria do vereador e sindicalista, José Gonçalves, que descumpria o acordo feito com o prefeito Nabor Wanderley, acabou ocasionando todo esse imbróglio.

“Zé Gonçalves participou das reuniões, inclusive, a única que ele não participou, esteve presente a presidente do Sindicado e o advogado do Sindicado, o Projeto foi praticamente, a algum percentual, todo modificado, pra justamente atender aquilo que as categorias estavam pedindo. Foram feitas todas as adequações, enviadas ao Poder Legislativo e aí todos nós fomos surpreendidos com essa emenda de Zé, aonde gerou todo esse problema. Então, nós acreditamos que o mais greve possível essa questão será resolvida”, disse o parlamentar.

Sales Júnior informou também, que o Projeto ainda não chegou ao prefeito e uma nova reunião com os representantes das categorias será realizada na próxima semana, terça ou quarta-feira, para saber se realmente o que havia sido acordado entre categoria, governo e sindicado, vai prevalecer.

Ouça abaixo a fala do vereador:

Vereador Sales Júnior – Áudio: Divulgação/Assessoria

Matéria por Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo