Policial

PRF prende em Patos acusados de tentar aplicar golpe do seguro

Policiais federais, lotados na 3ª Delegacia da 14ª Superintendência da Polícia Rodoviária Federal, com sede em Patos, prenderam na manhã desta terça-feira (18/09), três acusados de forjar um acidente para conseguir que o seguro cobrisse a despesa de outro acidente, ocorrido com um caminhão VW 13.180, cor banca, de placas MNR 7796/PB, no mês passado.

Foram detidos Francisco Ribeira da Silva (proprietário do veículo), Jose da Silva (ajudante) e Francisco Ednaldo da Silva (motorista).

Segundo informações do inspetor Lucena, dois policias rodoviários federais estavam de folga e viajavam pela BR-230, altura do quilômetro 364, quando perceberam um caminhão caído em uma ribanceira.

Quando desceram para averiguar, perceberam outro caminhão com os três acusados. Os policiais estranharam a maneira como o veículo estava e a presença de outras amassaduras em locais diferentes. Ao fazerem perguntas ao acusados, os policiais notaram que se tratava de uma fraude.

O fato foi comunicado a Delegacia de Polícia da cidade de Malta, já que o veículo estava a dois quilômetros daquela cidade. Outros policiais federais e policiais civis foram chamados, para fazer a condução dos suspeitos.

Os três foram conduzidos para a Delegacia Distrital de Polícia Civil em Patos, onde foram interrogados.

O inspetor Lucena afirmou que se tratava de uma tentativa de golpe contra a empresa de seguro, na qual o caminhão tinha sido recentemente fichado. Segundo Lucena, como o veículo tinha se envolvido em um outro acidente, no mês passado, em um PB e não estava cadastrado no seguro, os acusados resolveram armar esse plano.

O Inspetor declarou que os acusados ficaram recolhidos e responderão por estelionato.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close