Premier League: Manchester City perde por 2 a 1 para o Chelsea, e Liverpool é campeão após 30 anos



Em um jogo insano e recheado de chances de gol, o Chelsea venceu o Manchester City por 2 a 1, nesta quinta-feira, pelo complemento da 31ª rodada da Premier League.

Com esse resultado, o Liverpool é declarado campeão do Campeonato Inglês, já que agora possui 23 pontos de vantagem com mais 21 em disputa no certame.

É o fim de um jejum de três décadas para os Reds, já que a última vez que eles venceram a Premier League foi na temporada 1989/90.

Em Stamford Bridge, as loucuras começaram aos 36 do 1º tempo, quando Mendy e Gundogan cometeram falha clamorosa no meio-campo e deram a bola de presente para Pulisic. O norte-americano arrancou, deixou o lateral francês na saudade e bateu na saída de Ederson para abrir o placar.

No 2º tempo, porém, o City, que não fazia boa partida, empatou graças à genialidade de Kevin de Bruyne e quase virou em seguida.

Primeiro, o belga soltou uma cobrança de falta magistral, na gaveta de Kepa, para igualar o placar.

Logo no lance seguinte, o time de Pep Guardiola encaixou contra-ataque fatal e Sterling saiu na cara de Kepa, mas seu chute beliscou a trave. No rebote, a zaga afastou.

Depois disso, a partida teve um festival de chances perdidas para os dois lados, ficando totalmente imprevisível.

E quando o empate se armava, Fernandinho acabou impedindo gol certo de Abraham ao colocar a mão na bola. Após análise do VAR, o pênalti foi marcado, e o experiente atleta foi expulso.

Na cobrança, o brasileiro Willian bateu muito bem e decidiu a parada em Londres, dando a vitória ao Chelsea e, por consequência, o título ao Liverpool.

Esse é o 19º título dos Reds na história do futebol inglês.


ESPN.com.br