Locais

Prefeitura de Patos diz que já houve audiência de conciliação e que família já foi indenizada sobre obstrução da rua Duque de Caxias

O relatório da prefeitura afirma que Dona Céu já foi devidamente indenizada pelo imóvel e considera o pedido inviável e destoante

ÓTICAS GUIMARÃES

A reportagem do Patosonline.com recebeu um relatório da Prefeitura de Patos sobre a ocupação irregular por uma família na rua Duque de Caxias. A casa da senhora Maria de Fátima Ferreira, mais conhecida por Dona Céu, foi construída de forma irregular sobre a rua citada, o que estaria provocando a interdição dela.

Agora, a prefeitura está realizando uma obra de desobstrução da via, que será calçada e asfaltada para gerar fluxo entre os bairros Centro e Belo Horizonte. Há um processo em tramitação desde o ano de 2017 sobre esse caso, onde várias propostas já foram feitas à família ocupante da casa.

O relatório da prefeitura diz que já houve uma audiência de conciliação entre a prefeitura e a família, e foi reivindicado que a prefeitura doasse quatro casas à família, para que esta desocupasse o terreno, mas a prefeitura considerou inviável. Além disso, a prefeitura afirma que a dona Céu recebeu 20 mil reis para desocupar um terreno na mesma localidade, que era de posse da empresa Martins e Nóbrega LTDA, passando a ocupar outra área da rua Duque de Caxias.

Ainda segundo o relatório, a decisão judicial negou o pedido da dona Céu e determinou que a família deixe a casa, que deverá ser demolida para desobstruir a rua, que é de poder público e não deveria ter sido ocupada.

O relatório da prefeitura afirma que Dona Céu já foi devidamente indenizada pelo imóvel e considera o pedido inviável e destoante, pois a solicitação é de uma casa para a senhora e três cassas para os filhos dela, que, segundo a prefeitura, não fazem parte do processo.

Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo