Prefeito sertanejo escapa da cassação



"prefeito"

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba julgou improcedente, durante a sessão realizada na tarde desta terça-feira, dia 18 de janeiro, o Recurso Eleitoral da Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (AIME), promovida pela oposição da cidade de São José de Piranhas contra o prefeito Domingos Neto (PMDB), referente às eleições municipais de 2008. O gestor estava respondendo ao processo por suposta compra de votos.

Os integrantes do TRE, por 5 a 0 entenderam que as alegações de suposta prática de captação ilícita de sufrágio não tinham fundamento e arquivaram a ação.

O prefeito comentou hoje a decisão e disse que a Justiça legitimou o direito do eleitorado: "Fiquei muito feliz porque pude provar ao povo de São José de Piranhas que ganhamos a eleição dentro da legalidade, e o mais importante, com o apoio do povo”, comemorou.

O Relator do recurso foi o Juiz João Ricardo Coelho.

Parlamentopb