Prefeito Ivanes Lacerda avalia faixa amarela para o funcionamento do setor econômico



O prefeito interino de Patos, Ivanes Lacerda, decretou, nesta segunda- feira, dia 13 de julho, a adequação para a faixa amarela para o funcionamento do setor econômico e enfrentamento da infecção do novo coronavírus.

No decreto de n°39/2020, Patos adotou as medidas conforme o Novo Normal baseado na bandeira amarela.

Para o prefeito Ivanes Lacerda, Patos alcançou a bandeira amarela por ter alcançado os critérios, a exemplo da obediência do isolamento social; taxa de novos casos; taxa de letalidade (número de óbitos em relação ao número de contaminados) e a disponibilidade de leitos no município.

“Nós trabalhamos nesses critérios para que Patos pudesse sair da bandeira laranja para a bandeira amarela. Nós aumentamos o primeiro critério, nós decretamos a restrição social e econômico do município de Patos. Praticamente durante a tarde toda a cidade é quase toda fechada. Houve um cumprimento do isolamento social, então, atendemos esse primeiro critério”, explicou.

Já com relação aos novos casos, Ivanes Lacerda acrescentou que as taxas de novos casos diminuíram, sendo que a Prefeitura está realizando a ampliação da UPA 24 Horas, ampliação do número de leitos, distribuição de medicamento de precoce, realização dos testes do COVID-19 e aumento do contingente de atendimento da UPA.
“Então, isso diminuiu a nossa taxa de novos casos. O que contribuiu também para isso foi a campanha que fizemos na imprensa, nas mídias sociais, em carros de som, blogs, rádios convencendo à população como usar máscara, higienizar as mãos e outras medidas. Isso contribuiu para diminuir novos casos”.

O prefeito também pontuou a disponibilidade de novos leitos da UPA Otávio Pires Lacerda com a entrega de seis leitos, sendo que mais 14 serão entregues nos próximos dias, assim como a instalação de respiradores novos conseguidos pelo Deputado Hugo Motta, e o conserto de outros respiradores.

“Todos esses critérios juntos fez com que nós saíssemos na bandeira laranja para a bandeira amarela. Pelo decreto, no Novo Normal do governo do Estado, cada bandeira existe uma permissão e proibição. À medida que nós sairmos dessa faixa amarela para a faixa verde, novos segmentos serão incorporados e devolvidos à população. Saímos de uma Bandeira para outra em decorrência das ações do município, como a desinfecção urbana ambiental que foi uma grande ação. Isso contribuiu muito para evitar a quantidade de novos casos”, explicou o prefeito.

Os estabelecimentos que são autorizados a abrirem a partir deste dia 14 de julho devem fazer monitoramento da entrada e saída dos consumidores, permanência com uso de máscara, disponibilização de álcool gel, barreiras sanitárias em tapete umedecido com água sanitária ou similar. A permanência de 01 (uma) pessoa a cada quatro metros quadrados (4m²), incluindo funcionários, colaboradores e consumidores.

Ouça:


Prefeito Ivanes Lacerda

Coordecom

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com