Prefeito de Santa Terezinha recebe apóio do PMDB



 


Tendo em vista a aproximação do final do prazo para as filiações partidárias dos pretensos a saírem como candidatos nas próximas eleições municipais de 2008, que se encerram no dia cinco (5) do próximo mês, os conchaves entre grupos políticos da região já começam a acontecer.


 


No município de Santa Terezinha, distante à 20 km de Patos, o grupo do prefeito Ruy Pontes (DEM), recebeu essa semana, o apoio do PMDB local, comandado pelo atual vereador e ex-prefeito, Naíde Cabral.


 


Cabral era oposição, tendo inclusive indicado o vice na chapa que concorreu com o próprio Ruy nas eleições passadas, encabeçada pelo empresário José de Arimatéia Camboim.


 


As duas forças que se enfrentaram na última eleição naquele município, era formada por Ruy e José Afonso (PSDB), de um lado, e Arimatéia e Naíde do outro (PMDB). Passadas as eleições essas forças se dividiram, sendo que Ruy rompeu com o ex-prefeito José Afonso e Naíde rompeu com Arimatéia.


 


Agora foi anunciada a primeira fusão entre Ruy Pontes, que hoje está filiado ao Democrata, e Naíde Cabral que continua comandando o PMDB naquele município.


 


Por o outro lado existe um princípio de aproximação entre o empresário Arimatéia Camboim e Afonso Gayoso, porém um grande empecilho a ser superado; tanto Afonso Gayoso, quando Arimatéia, não abrem mão de sair na cabeça da chapa, ou seja, ser candidato à prefeito.


 


Correndo por fora, outras forças de menor expressão em Santa Terezinha, como é o caso do atual vice-prefeito Bivar Rufino (PSDB) e o ex-vereador Salomão Cordeiro (PP), já trataram de definir suas situações na política local.


 


Bival está firme e forte com Gayoso, enquanto que Salomão, que foi candidato à prefeito na eleição passada (ficando na 3ª colocação), já participa ativamente no grupo de Ruy Pontes, inclusive sendo um dos estrategistas da atual administração.