Policiais e bombeiros de Patos estão sendo vacinados contra a gripe nas próprias sedes dos serviços. Ouça



A coordenadora de Imunização da 6 ª Gerência de Saúde de Patos, Socorro Guedes, informou que esta segunda etapa da vacinação contra a gripe, que teve início na última quinta-feira (16), prioriza pessoas com doenças crônicas e as forças de segurança e salvamento, que inclui Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.

A novidade é que a Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros estão sendo vacinados de forma individual, com uma equipe específica para realizar a vacina nas sedes desses órgãos.

Os agentes penitenciários e presidiários estão sendo vacinados por uma equipe de saúde da família do próprio presídio regional.

Portanto, a recomendação é para que os profissionais dos serviços mencionados procurem suas próprias unidades de serviço para receberem a vacina contra a gripe.

Ainda sobre esta segunda etapa da campanha, Socorro Guedes explicou que o Ministério da Saúde acrescentou para agora a vacinação dos caminhoneiros e motoristas de transportes alternativos (sem meta). Vale deixar claro que os seguranças de carro forte não entram agora nos grupos prioritários, mas na fase seguinte.

Essa mudança foi adotada mediante acordo prévio firmado entre a 6.ª Gerência de Saúde de Patos e os comandos da Policia Militar, Policia Civil e Corpo de Bombeiros, de acordo com a coordenadora de Imunização, Socorro Guedes.

Distribuição e aplicação correta

Socorro Guedes contou que recebeu 50% das doses que correspondem à meta de pessoas com doenças crônicas e profissionais da segurança e salvamento. Ela garantiu que as doses já foram repassadas para a cidade de Patos e demais municípios da região.

Ela também fez um apelo aos municípios para que não extrapolem na aplicação das vacinas com pessoas que não se encaixam nesta fase.

“Infelizmente na primeira fase houve uma bagunça na vacinação de Patos. E ainda estamos com um quantitativo muito alto de idosos que ainda não foram vacinados, sendo que Patos já recebeu 100% das doses que eram pra vacinar essa população. Portanto, essa é a recomendação do Ministério da Saúde, Secretaria Estadual de Saúde e 6.ª Gerência de Saúde”, ressaltou.

Ouça mais detalhes na entrevista que segue.

Socorro Chaves

Matéria por Patosonline.com

Áudio – Rádio Espinharas




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.