Polícia prende dois suspeitos da morte do filho de vereador em Piancó



O delegado Elcenho Engel concedeu entrevista coletiva a imprensa na manhã desta quinta-feira (26) e apresentou dois nomes suspeitos pela morte do filho do vereador Nenem de Fandinga da cidade de Piancó, Assuélio Xavier, morto a tiros na tarde de sábado (14) por volta das 14h:30m na Rua Antônio Félix por trás do antigo INSS no bairro da Vitória em Patos.

Conforme o delegado os suspeitos são: Joel Nogueira da Costa Neto, 29 anos, residente no bairro Frei Damião, antigo Morro, e José Aislan Fernandes de Andrade, 27 anos, conhecido por "Zé de Mariquinha", residente no bairro da Vitória.

O bacharel disse que há fortes indícios da participação da dupla no assassinato do rapaz cujas suspeitas estariam relacionadas a drogas. Os dois foram ouvidos na tarde desta quarta-feira e um deles, Zé de Mariquinha, enviado ao Presídio Regional por posse ilegal de munição de arma de fogo. O segundo acusado, o Joel Neto, ficou na delegacia e os dois cumprirão prisão temporária por 30 (trinta) dias revogáveis por mais 30.

A morte do jovem (que não teve a idade revelada) comoveu a maior parte da população de Piancó que tem muita aproximação com os parentes. No sepultamento uma multidão acompanhou o cortejo fúnebre.

Quanto à participação do popular conhecido por Antônio Cristovão, detido em Patos no dia do crime por haver ligado para um sobrinho conhecido por Euclides Neto e o celular dele coincidentemente está com a vítima, o delegado descartou qualquer envolvimento dos dois.


Mário Frade/PortalPatos