Polícia Militar desencadeia operação para fechar bares e restaurantes em todo o Sertão no Fim de Ano



A Polícia Militar desencadeou na tarde de hoje (31), em todo o Sertão da Paraíba, a Operação Previna-se, com o objetivo de fiscalizar o cumprimento do Decreto do Governo Estadual, o qual proíbe que bares, restaurantes, lanchonetes, conveniências e estabelecimentos similares vendam produtos para consumo local, ficando autorizado a venda nos sistemas Delivery (venda com entrega em domicílio) e take away (clientes realizam o seu pedido e o levam para outro lugar), nos dias 31/12 e 01/01, a partir das 15 horas.

De acordo com o tenente coronel Jurandy, subcomandante do Comando de Policiamento Regional II, que comanda a Operação, mais de 400 policiais participam da ação que abrange todas as 93 cidades localizadas no Sertão.
De acordo ainda com o subcomandante além das Unidades de área a PM vai empregar Unidades Especializadas, a exemplo do BOPE, BPTRAN, Companhia de Motos (CEP Motos), Companhia Ambiental e Força Regional, e fará uso de drones para o monitoramento.

Operação Reveillon – Outra ação realizada será a Operação Réveillon, que esse ano tem a missão dupla de, não só garantir a segurança das pessoas, mas também de buscar a preservação da saúde delas, a partir do combate às aglomerações. Nesse sentido, a fiscalização será bastante rigorosa, principalmente no combate as festas clandestinas e aos eventos com aglomerações de pessoas, inclusive festas particulares.

Os drones serão usados para verificar a existência de possíveis locais onde esses eventos estejam sendo planejados, para que as tropas especializadas, a exemplo do BOPE, BPTran, BPAmb, BEPMotos e Força Regional possam intervir.

Para a PM é imprescíndivel que a população colabore, evitando aglomerações e também denuncie essas práticas, através do 190.

Combate aos rolezinhos – A Assessoria de Comunicação da PM informou que os policiais irão combater também, caso ocorram, os famosos “rolezinhos”, que são grupos de dezenas de motoqueiros, que transitam juntos causando barulho, muitas das vezes sem uso de máscara e capacete de proteção. Para isso a atuação no trânsito será intensificada, com blitzen em locais estratégicos e itinerantes para fiscalizar e coibir infrações e crimes de trânsito, bem como para desarticular grupos que promovam perturbação do sossego e direção perigosa a bordo de motos.

Asscom/CPR II