Policia Federal realiza operação para combater cartéis em licitações no Sertão paraibano



Uma operação, denominada “Ciranda” está sendo realizada pela Policia Federal, desde o início da manhã desta quinta-feira, 28. O objetivo é reprimir o crime organizado neste estado, especialmente combater cartéis em licitações, que agiam contra o regular andamento das licitações em municípios do Sertão Paraibano.

As buscas estão sendo realizadas nos municípios de Patos, Cacimba de Areia e Areia de Baraúnas. De acordo com informações da PF, a investigação foi iniciada em julho do ano passado. O grupo de fraudadores em licitações causou prejuízo aos cofres públicos estimado em R$ 10 milhões.

A operação está sendo realizada através de uma força tarefa composta pela Polícia Federal, Ministério Público da Paraíba, através do GAECO, Tribunal de Contas do Estado e a Secretaria de Defesa Econômica do Ministério da Justiça, desencadeou na manhã desta quinta-feira (28.05), a OPERAÇÃO CIRANDA, com o objetivo de reprimir o crime organizado neste estado, especialmente combater cartéis em licitações, que agiam contra o regular andamento das licitações em municípios do Sertão Paraibano.

Cerca 50 policiais federais estão participando da operação. Eles estão de posse de seis mandados de prisão preventiva e onze de busca e apreensão, expedidos pela 4ª Vara Judicial da Comarca de Patos. Entre os acusados há secretários municipais, um contador e empresários do ramo da construção civil.

Durante todo o dia os presos serão interrogados pelos delegados da Polícia Federal, e a documentação apreendida será objeto de análise por parte de policiais-analistas.

Os responsáveis pela operação irão conceder entrevista ás 10h na sede da Delegacia da Polícia Federal, na cidade de Patos.

Wscom e PF

Foto/Higo de Figueirêdo