Polícia Federal cumpre 60 mandados judiciais no Sertão. Presos foram levados para Delegacia da PF em



A Polícia Federal já cumpriu todos os 60 mandados judiciais (de Prisão e de Busca e Apreensão) da Operação Cárcere realizada nos municípios do Sertão paraibano nesta quinta-feira (27). Além dos 27 Mandados de Prisão expedidos, o motorista José Janilson Azevedo da Silva, de 25 anos, também foi preso na Operação, desta vez não por fraude previdenciária e sim por porte ilegal de arma. A Polícia Federal divulgou os nomes dos acusados.

O núcleo da quadrilha que falsificava documentos para obtenção de benefícios previdenciários era a cidade de Catolé do Rocha.


De acordo com a polícia, o mentor das fraudes seria o advogado José Osni Nunes, de 42 anos. Já José Lima Guedes Filho, 39 anos, funcionário de uma maternidade de Catolé do Rocha, fornecia formulários em branco de ‘Declaração de Nascido Vivo’, enquanto Gilson Cavalcanti de Oliveira, 48 anos, funcionário do INSS de Catolé, era quem autorizava o pagamento dos benefícios ilegais.

Para aplicar os golpes previdenciários, aliciadores abordavam mulheres e presidiários e formavam um casal que não existia, de onde se originava uma criança fictícia, que constaria na ‘Declaração de Nascido Vivo’. Dessa forma, os golpistas conseguiam o auxílio-reclusão, que é um benefício pago aos dependentes durante todo o período da reclusão do segurado, seja qual for o motivo da prisão, cujo salário de contribuição seja igual ou superior a R$ 676,27.

Os golpes, a maioria aplicado em Catolé do Rocha onde foram detectados 108 benefícios ilegais, causaram um prejuízo aos cofres da União estimado em R$ 3 milhões. A Operação Cárcere é resultado de uma Força-Tarefa que envolve a Polícia Federal, o INSS, a Receita Federal e o Ministério Público Federal.

Os presos, que estão na Delegacia de Polícia Federal de Patos, foram indiciados por estelionato contra órgão público e formação de quadrilha.

 

Envolvidos nas fraudes

– JOSÉ OSNI NUNES, 42 anos, advogado, residente em João Pessoa/PB
– GILSON CAVALCANTE DE OLIVEIRA, 48 anos, funcionário do INSS, residente em Catolé do Rocha/PB
– KÁTIA SUÊNIA ALVES PEREIRA, 34 anos, vendedora
– JOELMA PEREIRA DOS SANTOS, 34 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– ANA LÚCIA DE SOUZA LIMA, 35 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– ROMILDA FERREIRA DO NASCIMENTO, 44 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– VERONEIDE DIAS MARTINS, 35 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– JOSÉ LIMA GUEDES FILHO, 39 anos, funcionário público, residente em Catolé do Rocha/PB
– EDNALVA DINIZ, 33 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– SHEILA LEILA PEREIRA SIMÕES, 23 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– MARIA EUNICE GOMES DA SILVA, 37 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– FRANCISCA JOSIVÂNIA DA CONCEIÇÃO AMARO, 27 anos, professora, residente em Brejo dos Santos/PB
– LINDALVA FREIRE, 35 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– VANUSA DANTAS DA SILVA, 29 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– KATIANA ALVES PEREIRA MATIAS, 22 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– WANDRA CRISTINA DE SOUZA, 28 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– LUZIA VERAS DE FIGUEIREDO SILVA, 48 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– JOSINEIDE LIMA DA SILVA, 30 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– FLÁVIA BRAZ DA SILVA, 25 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– MARIA MARTA BEZERRA, 32 anos, doméstica, residente em Catolé do Rocha/PB
– AURENISA PEREIRA DA SILVA SANTANA, 35 anos, doméstica, residente em Pombal/PB
– ELIANE ALVES GALVÃO DE SOUZA, 39 anos, professora, residente em Brejo dos Santos/PB
– CLAUDINEIDE DA SILVA, 22 anos, residente em Natal/RN
– MARIA ANUNCIADA CAETANO, 49 anos, doméstica, residente em João Pessoa/PB
– JEANE LOPES DA SILVA SARMENTO, 27 anos, doméstica, residente em Souza/PB
– SONÁLIA FERREIRA DO NASCIMENTO, 25 anos, doméstica, residente em Cajazeiras/PB
– MARIA DAS DORES OLIVEIRA DA SILVA, 38 anos, doméstica, residente em Teixeira/PB

Kelyanne Carvalho