Polícia Civil de Patos deflagra operação para impedir furto de energia elétrica



Na manhã desta quarta-feira (25 de novembro), a Polícia Civil da Paraíba, representada pelo NRF/PATOS, com o apoio do NUCRIM/PATOS, em parceria com a ENERGISA S/A, deflagrou mais uma Operação Policial visando à repressão de crimes de furto de energia (famoso gato), tendo por finalidade maior minimizar prejuízos financeiros à referida empresa prestadora de serviço público e consequentemente proporcionar um melhor fornecimento de serviço à população paraibana.

Durante a operação policial, foram visitadas 04 empresas de Patos: uma Fábrica de gelo no Sítio Riacho da Pia; uma Fábrica de material plástico na Fazenda Horizonte, próximo ao aeroporto; Restaurante e Churrascaria no Bairro da Liberdade, e uma outra Fábrica de Gelo no Sitio São Pedro, próximo a UFCG. Em todos esses locais visitados, foram constatados pelos técnicos de inspeção da ENERGISA e peritos do IPC a irregularidade no consumo de energia, ou seja, a ilícita ação humana para burlar a correta aferição do consumo de energia das citadas empresas, fato criminoso previsto no Art. 155 § 3º do Código Penal, cuja pena privativa de liberdade é de no máximo 04 (quatro) anos de reclusão.

Todos os responsáveis pela pratica das irregularidades citadas serão indiciados criminalmente. Vale salientar que, em uma das empresas citadas, onde estava presente um funcionário que franqueou a entrada das equipes citadas, fora apreendida uma espingarda cal. 20 de dois canos, pertencente ao proprietário da empresa que estava ausente.

A operação policial envolveu doze (12) Policiais Civis e 04 viaturas Policiais. O titular do Núcleo de Roubos e Furtos de Patos, Dr. Edson Pedroza, agradece o empenho da equipe da PC e salientou a importância da cooperação da população Patoense no uso da ferramenta Disk 197, cuja informação sigilosa gera relevante serviço de cidadania nas informações sigilosas em delitos de desvio de energia e demais crimes.

Com Informações da Polícia Civil de Patos