PF prende diretores do Consórcio de Saúde do Vale do Piancó por concussão



Os diretores do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Piancó: Pedro Alves da Silva e Maize Gervásio foram presos pela Polícia Federal (PF), no final da tarde desta segunda-feira (07), acusados da prática de concussão, que consiste ‘em ato de exigir para si ou para outrem, dinheiro ou vantagem indevida em razão da função exercida’.

O delegado André Guedes Beltrão, chefe da PF em Patos, confirmou as prisões e revelou que os acusados foram encaminhados a um presídio da cidade, onde aguardarão por audiência de custódia.

De acordo com delegado, os presos estariam exigindo dinheiro de um empresário para liberarem o repasse de recursos para uma construtora que executa obras do consórcio em Piancó.

 

 

 

Fonte – MaisPB