Gerais

Pesquisa indica 83% dos profissionais de saúde com “síndrome de bournout. Projeto de lei de Dr. Érico garante suporte emocional aos referidos trabalhadores

ÓTICAS GUIMARÃES

Segundo pesquisa divulgada pela PBMED, 83% dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente do combate à pandemia da COVID 19, relatam sintomas da Síndrome de Burnout, doença associada ao esgotamento físico e mental ocasionados por excesso de trabalho. O levantamento ouviu 3.613 trabalhadores entre os dias 26 de junho e 03 de julho e foi divulgada neste domingo, 06 de setembro, no programa Fantástico da Rede Globo de Televisão.

Atrelado a tal contexto, é importante reiterar a Lei 11.753/2020, de autoria do deputado estadual Dr. Érico, sancionada pelo governador João Azevêdo, que
cria uma linha de apoio aos Profissionais de Saúde da Paraíba (Laps), em virtude do estado de calamidade pública decretado em decorrência da pandemia do coronavírus (covid-19).

A Laps assegurará o sigilo, escuta qualificada e proporcionará, por meio de um profissional especializado em saúde mental que estará de plantão para esse fim, acolhimento aos profissionais da saúde e aos seus familiares que atuem ou residam no Estado.

“É imperativo que apoiemos nossos trabalhadores que estão na linha de frente no combate ao coronavírus, prestando-lhes assistência psicológica aos que precisam”, conclui o Parlamentar.

ASSESSORIA – DR. ÉRICO

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios