Politica

Patos 117 anos: Município registra 53 candidatos a prefeito em 18 eleições

O Município de Patos já registrou 57 candidatos a prefeito em 19 eleições diretas na história política do município, incluindo os quatro candidatos que disputam o pleito municipal desse ano.

Um levantamento realizado pelo jornalista Genival Junior, contabilizou os números a partir da eleição ocorrida em 1935, a primeira do município, que elegeu Clóvis Sátyro e Sousa como primeiro prefeito, e outras 18 entre 1947 e 2016, totalizando 18 eleições diretas para prefeito.

Em sua história política, Patos tem uma média de 3 candidaturas registradas a cada eleição, levando em consideração apenas aqueles postulantes que foram votados nas eleições do referido ano e tiveram seus votos apurados pelo TRE paraibano.

Dos 18 pleitos disputados, apenas duas vezes o eleitorado teve a opção de escolher entre cinco nomes, fato ocorrido nas eleições de 1992, quando os candidatos foram Ivânio Ramalho, Dinaldo Wanderley, Múcio Sátyro, Aderban Martins e Otávio Sampaio, e em 2016, com ocorreram as candidaturas de Dinaldinho, Nabor Wanderley, Lenildo Morais, Jacob Souto e Silvano Morais.

Em oito oportunidades, o pleito foi disputado em confronto direto entre dois candidatos em Patos, a exemplo de 1935, 1947, 1951, 1955, 1959, 1963, 1976 e 2004.

O número de 3 candidaturas foi registrado nas eleições de 1968, 1972, 2000, 2008 e 2012, enquanto que em 1982, 1988 e 1996, a Capital do Sertão registrou 4 candidaturas. Confira o histórico de candidaturas ano a ano:   

1935-Foram candidatos Clóvis Sátiro e Sousa, vencendo a Darcílio Wanderley da Nóbrega. Não há registro histórico de suas votações.

1947-Clovis Sátyro e Souza foi eleito com 3.337 votos, vencendo a José Afonso Gayoso de Souza, que obteve 3.028 votos.     

1951-Darcilio Wanderley da Nobrega foi eleito com 4.801 votos, vencendo Firmino Aires Leite, que recebeu 3.974 votos.

1955-Nabor Wanderley da Nobrega venceu a eleição com 4.019 votos, enquanto Bivar Olynto de Melo e Silva ficou em segundo lugar com 3.682 votos.

1959-Bivar Olyntho de Melo e Silva foi eleito com 4.802 votos, vencendo a José Cavalcanti da Silva, que terminou com 3.959 votos.

1963-José Cavalcanti da Silva foi eleito com 4.669 votos, superando os 3.440 votos de Severino Lustosa de Morais.

1968-Olavo Nóbrega de Sousa, foi eleito prefeito de Patos com 8.014                votos, vencendo a Zéu Palmeira, que recebeu 3.918 votos. Edivaldo Fernandes Mota ficou em terceiro lugar, com 3.619 sufrágios.

1972-Aderbal Martins de Medeiros foi eleito prefeito com 6.446 votos, vencendo a João Palmeira de Araújo, que terminou com 5.936 votos.             Durval Fernandes ficou em terceiro lugar com 4.486 votos.

1976-Edmilson Fernandes Mota foi eleito com 9.435 votos, vencendo a Olavo Nóbrega de Sousa, que recebeu 8.623 votos.  

1982-Rivaldo Medeiros foi eleito com 11.651 votos, resultado da soma de seus 7.351 votos e outros 4.300 recebidos por Adão Eulâmpio, também candidato do PMDB. José Carlos Candeia Pereira teve 9.767 votos, e Climidia Nunes Bezerra recebeu 98 votos.

1988-Geralda Freire Medeiros se elegeu prefeita de Patos com 12.450 votos, vencendo Edmilson Fernandes Mota, que recebeu 10.353 votos. Virgílio Trindade teve 681 votos e a professora Geralda Medeiros Nobrega recebeu 676 votos.

1992-Ivanio Ramalho foi eleito prefeito de Patos com 14.959 votos, vencendo a Dinaldo Wanderley, que recebeu 13.144 votos. Também foram candidatos, Múcio Satyro, (2016 votos), Aderban Martins de Medeiros (1.857), e Otavio Bezerra Sampaio, (752) votos.

1996-Dinaldo Wanderley foi eleito prefeito de Patos com votos 19.577 votos, vencendo Chica Motta, que terminou com 13.085 votos. Padre Jair Tomasella teve 3.829 votos e Fernando Formiga recebeu 257 votos.

2000-Dinaldo Wanderley foi eleito com 27.967 votos, vencendo a Nabor Wanderley, que recebeu 15.121        votos. Vital Henrique ficou em terceiro com 744 votos.

2004-Nabor Wanderley recebeu 27.226 votos, e venceu a Dineudes Possidônio, que terminou o pleito com 21.123 votos.     

2008-Nabor Wanderley recebeu 30.774 votos e venceu a Socorro Marques, que recebeu 688 votos. Os 20.674 votos recebidos por Dinaldo Wanderley não constam no resultado oficial do TRE-PB, pois foram posteriormente anulados pela Justiça Eleitoral. O candidato registrado como Isaac, recebeu 156 votos.

2012-Francisca Motta venceu o pleito com 28.407 votos, com Dinaldinho recebendo 23.389 votos e ficando em segundo lugar. Silvano Morais foi o terceiro colocado com 998 votos.

2016-Dinaldinho foi eleito com 26.840 votos, vencendo a Nabor Wanderley, que recebeu 21.740 votos. Lenildo Morais recebeu 1.372 votos e Jacob Souto, recebeu 1.135 votos. Silvano Morais terminou o pleito com 587 votos.

Em 2020, estão candidatos a prefeito de Patos, Lenildo Morais (PT), Ramonilson Alves, (Patriota), Nabor Wanderley, (Republicanos) e Heber Advogado(DC). O vitorioso será conhecido no dia 15 de novembro.

Por Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close