Paraibano é confundido com bandido e morto a tiros de fuzil em comunidade do Rio de Janeiro



O paraibano Ismael Silva foi assassinado por integrantes de uma facção criminosa do Rio de Janeiro, na madrugada da última quarta-feira (7), enquanto voltava para sua residência, que fica na comunidade do Sapo, zona Oeste da cidade.  

O local foi invadido por criminosos da comunidade do Sossego e um dos bandidos confundiu Ismael com um rival, usando um fuzil para disparar várias vezes contra o paraibano. Outros dois homens morreram durante o confronto entre as facções.  

Ismael é natural de São Vicente do Seridó, município localizado na Borborema Paraibana. No Rio, ele trabalhava no Teatro Rival Petrobras, que atualmente é coordenado pelas atrizes Ângela Leal e Leandra Leal.

 

Portalcorreio