Paraíba registra crescimento de 38% no último levantamento do CAGED. Saldo do ano ainda é negativo



A Paraíba terminou o mês de julho com um saldo positivo de 1.870 empregos formais, de acordo com o último balanço divulgado pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados-CAGED, do Ministério do Trabalho e Emprego-MTE.

De acordo com o CAGED, o estado registrou 12.015 contratações e 10.145 demissões, superando em 517 empregos ou 38,21%, o saldo registrado em julho de 2018, quando o estado foi responsável pela contratação de 10.654 trabalhadores e pela demissão de 9.301, perfazendo naquele momento, um saldo positivo de 1.353 postos de trabalho.

Na classificação por segmento, o setor de serviços contabilizou um aumento de 1.043 postos de trabalho e puxou a estatística. Foram 5.410 contratações e 4.367 demissões.

A indústria de transformação contabilizou 1.897 empregos formalizados e 1.412 desligamentos, alcançando crescimento de 485 empregos com carteira assinada. O setor agropecuarista formalizou 764 trabalhadores e demitiu 152.

O comércio, que fechou o mês com 2.749 contratações e 2.855 demissões, formalizou saldo negativo de 106 trabalhadores, enquanto a construção civil contabilizou 1.097 servidores formalizados e 1.248 desligamentos.

Apesar do crescimento registrado no último levantamento do CAGED, o estado ainda apresenta um saldo negativo de 5.645 empregos formais no ano de 2019. Os dados relativos ao mês de agosto, só serão disponibilizados pelo CAGED, a partir do 20 de setembro.

Patosonline.com