Pais de alunos preocupados com violência. Menor é apreendido portando arma na escola



O prefeito Nabor Wanderley se reuniu esta semana com a diretora da Escola Santa Terezinha e as mães das crianças que estudam naquela escola, que fica localizada no “Beiral”, periferia da cidade de Patos. A secretária da educação Márcia Mota também esteve presente.

 

A reunião foi motivada pela preocupação das mães dos alunos com a onda de violência no local. O prefeito Nabor disse que recebeu um documento da direção da escola, assinado pelas mães dos alunos, pedindo que fosse tomada uma providência.

 

Duas medidas foram tomadas pelo chefe do Poder Executivo: os alunos serão transferidos para uma outra escola, onde será construído um CIEPS, com uma melhor estrutura, e o prédio da Escola Santa Terezinha será transformado numa Creche.

 

A doma de casa Carleide Henrique da Silva, que mora na Rua Antônio Félix, no Bairro da Vitória, tem três filhos que estudam na Escola Santa Terezinha.

 

Ela considerou positiva a decisão do prefeito Nabor Wanderley em transferir os alunos da escola para um outro local, e com uma melhor estrutura, haja vista, a violência no local.

 

 

Simone Ferreira da Silva, mãe de um aluno da escola também concordou com o prefeito Nabor Wanderley em transferir ás aulas para um outro local, como também, em transformar a Escola Santa Terezinha numa Creche.

 

Na última terça-feira (16/12), um aluno menor de idade, foi apreendido na Escola Dionísio da Costa (Premem), localizada no bairro do Salgadinho, portando um revólver calibre 32, com quatro (4) munições intactas.

 

O menor foi apreendido após uma denúncia anônima. Ele resistiu a apreensão e a policia que usar da força física para fazer sua remoção até a Delegacia de Polícia.

 

Redação do patosonline com Jornal Itatiunga