Pai é preso após manter relações sexuais com a filha.



Procurado desde o último dia 21, o agricultor Airton Marcos de Souza, 37 anos, casado, residente em Piancó, Sertão paraibano, foi preso por policiais militares volta das 20h desse sábado (26). Ele é acusado de há mais de um ano manter relações sexuais com a sua própria filha, de 14 anos de idade. Ele foi denunciado a Polícia pela sua esposa Josefa Ângela de Almeida, que flagrou o marido saindo em trajes íntimos do quarto da filha.

Os policiais militares que prenderam Airton disseram à reportagem que inicialmente Josefa Ângela não quis acreditar que seu marido estivesse mantendo relações sexuais com a própria filha, mas como ela havia mudado o comportamento, resolveu esclarecer o fato, conversou com a filha, inicialmente ele negou, no entanto a mãe insistiu e ala acabou confessando o caso.

Revoltada, Josefa Ângela esteve na Delegacia de Polícia e prestou a queixa.Os PMs do 3º Batalhão, que trabalham na Delegacia ficaram revoltados com o fato e foram à procura de Airton Marcos, mas ele desconfiou e fugiu. As diligências para localizá-lo foram iniciadas, mas surgiu o caso do estupro e morte da menor no mês passado e as buscas foram suspensas.

Na noite de sábado, por volta das 20h, os PMs foram informados que o acusado se encontrava na cidade de Painço. Para evitar nova fuga, seis policiais militares sem fardas foram à procura do acusado, mas ele desconfiou quando da aproximação e fugiu, sendo necessário os PMs dispararem tiros para o alto a fim de obrigar Airton Marcos a parar.

Preso, ele foi levado para a delegacia de polícia, onde se encontra recolhido.

Humberto Lira, do Jornal Correio da Paraíba