• Dra Milena
Gerais

Os voos entre Patos e Recife e vice-versa serão feitos à noite. Veja os horários

Os voos de volta, de Patos para Recife, partirão à 0h10, com pouso previsto na capital de Pernambuco à 1h35

ÓTICAS GUIMARÃES

A solenidade de lançamento da chegada da Azul ao Sertão paraibano foi prestigiada pelo governador João Azevêdo, pelo prefeito de Patos, Nabor Wanderley, pelo deputado federal Hugo Motta, pela ex-prefeita Francisca Motta e pelo ex-deputado estadual Antônio Mineral, assim como por lideranças políticas e empresariais da região e auxiliares do Governo.

A partir de deste domingo (08), os sertanejos contarão com voos diários para Recife, de onde poderão se conectar com toda a malha nacional e internacional da Azul, promovendo o desenvolvimento econômico e o turismo de Patos e de outros municípios da região. 

Na solenidade do voo inaugural da Azul, o governador João Azevêdo destacou a importância das operações da Azul no Sertão do Estado para o desenvolvimento da região. “Estamos numa data que será histórica para o Sertão, não apenas pela facilidade que agora a região tem de se conectar com o mundo inteiro, mas porque o potencial de um lugar demanda muito mais conexões, muito mais logística, muito mais transporte. E esse voo inaugural que nós temos a honra de participar neste momento vai exatamente nessa direção”, afirmou.

“Nós sabemos o potencial de produção, de geração de energia eólica, solar, de grandes grupos que estão aqui investindo. Eu não tenho dúvida nenhuma de que esse voo é a redenção de toda essa região”, prosseguiu o chefe do Executivo estadual.

O prefeito de Patos, Nabor Wanderley, a importância do momento para o município. “A vinda desse voo representa um novo momento para a cidade de Patos. A partir de hoje começamos a construir uma nova história de progresso, de desenvolvimento, com mais investimentos, com uma nova realidade”, comentou.

Já o deputado federal Hugo Motta disse que a chegada da Azul ao Sertão representa a realização de um sonho. “Hoje estamos vivendo a realização de um sonho. Um sonho não do deputado Hugo Motta, do governador João Azevêdo ou do prefeito Nabor Wanderley, mas de um município, de uma região. Patos, a partir de hoje, vai ter a oportunidade de se aproximar dos principais centros do País e do mundo”, disse, lembrando que a conquista era sonhada há muitos anos. 

O representante da Azul, César Grandolfo, falou da satisfação em operar no Sertão paraibano. “Hoje a Azul Linhas Aéreas é a empresa que tem o maior número de destinos atendidos no Brasil, e o nosso DNA é a aviação regional. É por isso que estamos aqui”, comentou, destacando que os voos ocorrerão diariamente, exceto aos sábados. 

João Azevêdo destacou, ainda, que o aeroporto de Patos receberá investimentos da ordem de R$ 35 milhões, promovendo mais segurança e a chegada de linhas internas, ligando João Pessoa, Campina Grande, Patos e Cajazeiras. “Para chegar a esse momento, do voo inaugural da Azul, foram criadas as condições. É o que estamos fazendo também com relação a essa rota interna”, acrescentou. 

Sertão faz história – Com o início das operações da Azul em Patos, a região do Sertão paraibano passa a se conectar com o mundo a partir do Aeroporto de Recife, capital pernambucana, e entra para a história, com mais possibilidade de desenvolvimento econômico e do turismo.

Os voos serão realizados, inicialmente, com aeronaves da Azul Conecta, modelo Cessna Gran Caravan, com capacidade para até nove clientes. 

Os voos partirão de Recife, diariamente, às 22h30 – horário estratégico que contempla a chegada das conexões de voos vindos de todo o Brasil -, com pouso em Patos previsto para as 23h45. 

Já os voos de volta, de Patos para Recife, partirão à 0h10, com pouso previsto na capital de Pernambuco à 1h35. 

O secretário da Articulação Social de Patos, Sávio Salvador, fez questão de contar a experiência pessoal antes do voo da Azul. “Antes, um familiar teria que pegar a estrada até Recife para trazer o carro de volta, com gastos que muitas vezes chegavam a R$ 400 com combustíveis. Com esse voo, a região ganha mais comodidade, qualidade de vida”, disse.

O mototaxista Alan Soares espera dias ainda melhores. “Essa iniciativa do governador João Azevêdo beneficia todo mundo. Eu espero que, com esse movimento no aeroporto, nós, que somos mototaxistas, esperamos que o movimento melhore”, disse.

Secom-pb com edição do Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo