Politica

“Os adversários demonstram que entraram em desespero”, disse Eduardo Campos no aeroporto de Patos

O governador eleito do Pernambuco e presidente do Partido Socialista Brasileiro – PSB, Eduardo Campos concedeu entrevista na sua chegada ao aeroporto Firmino Ayres em Patos. O governador eleito no primeiro turno teve uma das maiores votações da história de Pernambuco vencendo seus opositores com mais de 80% dos votos. Ele chegou por volta das 20:00 h. acompanhado de comitiva que de lá seguiria para participar de um grande comício em Pombal e Sousa.

Várias lideranças políticas estiveram no local para recepcionar os governadores. A surpresa foi à chegada do senador eleito Cássio Cunha Lima – PSDB (foto) que veio da região de Pombal para seguir junto em comitiva para o comício."Cássio"

Renato Casagrande, governador eleito no Estado do Espírito Santo, também pelo PSB confirmou presença. O governador Cid Gomes, eleito no Ceará, não estava presente. Não foram repassadas informações, mas boatos davam conta que o mesmo já estava na região de Sousa.  

Eduardo Campos, perguntado sobre declarações do governador José Maranhão – PMDB que o acusa de intromissão na Paraíba, declarou “O debate na Paraíba é com o povo da Paraíba e não com um governador que já administra o estado por dez anos. A gente veio aqui para demonstrar o apoio. Ricardo não só tem o apoio dos que querem a mudança na Paraíba, mas tem o apoio no Brasil. Ricardo é um governador que vai ter o apoio de mais 5 governadores do seu partido eleitos pelo povo. Nesse momento não entre na conversa do adversário. Sobretudo numa hora em que os adversários estão demonstrando claramente que entraram em desespero, porque  imaginavam que iam resolver a eleição no primeiro turno e não resolveram. Agora é com o povo e não com a raiva”.

 

 

Jozivan Antero-patosonline.com

 

 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close