Óóó o leite!! Zé Pequeno faz sucesso ao vender leite de qualidade em bairros da cidade de Patos



Há um ano, o senhor José Gregório Marinho da Nóbrega, de 68 anos, mais conhecido por Zé Pequeno, decidiu começar a vender leite de gado de porta em porta na cidade de Patos. Não demorou muito e a qualidade do leite fez sucesso entre os consumidores e a propaganda “boca a boca” espalhou a notícia.

Atualmente, a quantidade chega aos 180 litros de leite vendidos diariamente, mas já superou os 200 litros em outros momentos. Os bairros onde existem clientes mais fidedignos são Novo Horizonte, Belo Horizonte, Jardim Europa, São Sebastião e adjacentes.     

A jornada de trabalho começa ainda de madrugada, por volta das 03h00, quando Zé Pequeno se desloca em sua moto Honda, modelo Bros, até o curral do gado que fica na fazenda do seu cunhado Rui Marinho, localizada no Município de São José de Espinharas. Assim que o leite é colocado nos depósitos e amarrados na moto, Zé Pequeno segue com destino a Patos onde pega mais leite para completar a carga.   

Por volta das 06h00 as famílias em suas residências que compram o produto já escutam o tradicional “Óóó o leite!!”. É Zé Pequeno com sua alegria espontânea e a prosa sempre bem-vinda que chegou para a entregar o leite de qualidade. Às 10h00 todo o leite tem sido entregue e o leiteiro parte para outros afazeres, pois a rotina é de domingo a domingo.

Perguntado qual o segredo do leite, Zé Pequeno é rápido na resposta: “O segredo do leite é você vender ele puro, ser de vaca mestiça, vaca ‘raçada’ ou então a vaca guzerá que é o leite mais grosso. Leite puro! A ração delas deve ser torta, farelo milho ou farelo de trigo. Sendo soja já fica mais fino o leite, aí quase não dá nata…não fica muito grosso. Outra coisa: você ser honesto e não botar água! Tem gente que bota água no leite, eu não! Prefiro que deus me tire! Minhas coisas são 100%…”, relata Zé Pequeno.


Jozivan Antero – Patosonline.com


OUÇA entrevista: