Novo Decreto será divulgado hoje (09) e prevê multa a quem não usar máscara e suspenderá serviços



Um novo decreto que deve ser editado ainda nesta terça-feira (9) pelo Governo do Estado deve trazer medidas mais duras, em relação ao documento que está em vigor, sobre as restrições durante a pandemia de Covid-19. O governador lembrou a velocidade com que os casos estão avançando no estado e afirmou que o documento ainda está sendo discutido e terá mais restrições que o atual.

Algumas medidas como o toque de recolher, das 22h às 5h, devem permanecer. Além disso, o texto deve trazer alterações como a suspensão total dos serviços públicos estaduais, a exemplo do Detran, restando apenas os essenciais. “O que nós buscamos é a proteção à vida e não há outra forma que não seja a partir do isolamento social, redução da mobilidade e da vacina”, justificou, em entrevista à TV Cabo Branco nesta terça-feira (09).

De acordo com o governador, a avaliação feita em relação o decreto atual está sendo conduzida por uma equipe e o conjunto de medidas a ser divulgado hoje deve estar em acordo com o Conselho Nacional de Secretários de Saúde, que sugere até a multa para o cidadão que estiver em área pública sem a utilização de máscaras, bem como, dentro dos estabelecimentos, sendo multados, neste caso, os estabelecimentos. “Isso é uma obrigação e vamos cobrar e aumentar a fiscalização”.

Outro problema que preocupa o governo é a aglomeração gerada nos transportes públicos. Para combater isso, uma alternativa é alterar o horário de funcionamento dos locais para diminuir a quantidade de pessoas circulando. “Se conseguirmos fazer horários de funcionamento diferentes, diminuímos a quantidade de pessoas dentro dos ônibus, que é um local de contaminação muito grande”, reconheceu o gestor.

MaisPB