Deve ter uma conclusão na próxima semana a novela que se transformou o pedido da diretoria do Treze para jogar algumas de suas partidas como mandante na Série C do Campeonato Brasileiro no Estádio Presidente Vargas. Em entrevista concedida ao programa Bate Bola Campina da Rádio CBN nesta quinta-feira, o procurador do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Valberto Lira, assegurou que na próxima semana o órgão deve emitir um parecer pela liberação do estádio alvinegro, mesmo sem ainda ter recebido todos os laudos dos órgãos de segurança e vigilância sanitária.

- O que aconteceu é que até agora nós não recebemos todos os laudos que liberam o Estádio Presidente Vargas para receber os jogos, a CBF ainda não nos encaminhou. Recebemos um material enviado pela diretoria do Treze, mas não estava em conformidade com o modelo atual e nós solicitamos que fosse refeito. Mas de toda forma na próxima semana nós vamos reunir a diretoria do Treze, os representantes dos órgãos de segurança e tentar a celebração de um TAC que possa liberar o local para os jogos - explicou o procurador, que também é presidente da Comissão de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios.

Havia toda uma expectativa para a realização de uma reunião esta semana entre o Treze e o MP para que a liberação do estádio fosse discutida e que o Alvinegro já mandasse no PV o confronto diante do Imperatriz, pela 12ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. No entanto, essa reunião acabou sendo cancelada, por indisponibilidade do Ministério Público, que não apresentou ao Treze o real motivo para o cancelamento, e dessa forma a partida acabou mesmo sendo confirmada para o Estádio Amigão.

No domingo, com promoção de R$ 5 no preço dos ingressos para a arquibancada geral, o Alvinegro encara o Cavalo de Aço do Maranhão em jogo válido pela 12ª rodada da primeira fase da terceira divisão nacional. O jogo está marcado para 16h e uma vitória é de fundamental importância para o Treze conseguir sair da zona de rebaixamento do Grupo A.

 

Por GloboEsporte.com — Campina Grande