Na noite desta quarta-feira (13), o Botafogo-PB recebeu o Londrina pela partida da ida da terceira fase da Copa do Brasil de 2019. Mesmo com um homem a mais por mais de 60 minutos, o Belo teve muita dificuldade na criação das jogadas e falhou pontualmente na defesa. A derrota por 2 a 0 deixa a situação muito difícil para  a classificação na competição.

Com todos os titulares, o time da Maravilha do Contorno tentou exercer uma pressão inicial, mas o Tubarão parou muitas jogadas com faltas e antes dos dez minutos já havia recebido dois cartões amarelos.

Com muitos cartões amarelos no início de jogo, o primeiro vermelho também saiu cedo. Rômulo, que já tinha sido advertido, tentou atrasar uma cobrança de falta no meio campo, aos 28 minutos, e acabou indo para o chuveiro mais cedo, e o Belo ficou com um a mais em campo.

Mesmo com um a menos, na segunda etapa o Londrina saiu no chutão aos 2 minutos, Marcelinho avançou em muita velocidade pela direita, cortou para o centro e bateu de pé esquerdo, no canto esquerdo de Saulo, para abrir o placar no Almeidão.

Sem conseguir se organizar para empatar, o Belo sofreu o castigo. Aos 40, Felipe Vieira avançou pela esquerda, ganhou a dividida com Lula e bateu no canto direito de Saulo. A bola bateu nas duas traves e morreu no fundo das redes.

Com o revés, o Botafogo-PB agora tem missão difícil para buscar a classificação. Para avançar, tem que vencer por três gols de diferença a partida do dia 3 de abril no Estádio do Café, ou por dois para levar a decisão para as penalidades. Qualquer vitória, empate ou derrota por até um gol de diferença deixa a vaga com o Londrina.

Arbitragem: Igor Júnior Benevenuto (MG); Felipe Alan Costa (MG) e Ricardo Júnior de Souza (MG)

 

Equipe @Vozdatorcida