Policial

No Sertão: Carro invade residência e mata jovem de 14 anos

ÓTICAS GUIMARÃES

Um grave acidente foi registrado por volta das 18h30 horas desta quinta-feira (03) na Rua Júlio Marques de Nascimento, saída de Cajazeiras para Sousa, em fronte ao Restaurante Terraço quando o vendedor Pedro Herculano Leite, 31 anos, conduzia uma D20, placas BUH 9766-São Bernardo do Campo – SP, vinha em sentido Cajazeiras à Sousa, e atropelou quatro jovens.

Segundo informações o motorista da D20 vinha em alta velocidade perdendo o controle do carro e invadindo sua contra mão, conseqüentemente atingindo os jovens que estavam na calçada.

No sinistro teve morte instantânea no local a adolescente Jandira Lacerda Jordão (foto), 14 anos, e saíram feridos os jovens Thiago Abreu Cardoso, 18 anos, filho do radialista Gutenberg Cardoso, Fernanda Dantas Rolim, 18 anos, que teve sua perna amputada devido à gravidade do impacto, Muriel Dantas Olegário Rolim, que foi encaminhado para a sala de cirurgia do HRC, e a adolescente Jéssica Alves, que teve várias escoriações pelo corpo.

A jovem Jandira Lacerda Lordão (foto a direita), que morreu na hora, é filha da empresária Feliciana Lacerda, proprietária do Laboratório de Análises Clínicas Dr. Isaac Lordão, na cidade de Cajazeiras.

Após o acidente o condutor do veículo tentou evadi-se do local sem prestar socorro às vítimas, mas o popular Renner de Sousa que presenciou o sinistro frustrou a fuga do atropelador. "O fato foi lamentável e aterrorizante, meu filhos juntamente com seus amigos conversando em uma calçada e um carro desgovernado indo ao encontro deles, eu vendo-os correndo para salvar suas vidas, infelizmente nem todos puderam se salvar". Desabafou Renner de Sousa.

As vítimas foram socorridas pelo comerciante Modesto Gonçalves, juntamente com populares para o hospital Regional de Cajazeiras. “Ao chegar ao hospital o médico pediu para eu procurar a perna de Fernanda Dantas, procurei e encontrei e infelizmente não foi possível introduzi-la no local”. Revelou Modesto Gonçalves.

Após o atendimento do médico o estudante Thiago Cardoso, foi transferido para João Pessoa por orientação de familiares que temiam por sua vida.

A reportagem do DIÁRIO DO SERTÃO ouviu o acusado que disse que não havia ingerido bebida alcoólica e foi desviar de um carro.
“Não bebi nada apenas estava de ressaca, estava indo para casa de uma tia minha tudo aconteceu muito rápido.” Disse o acusado Pedro Herculano (foto a esqueda).

HIDROASTRO ABRANTES E PETSON SANTOS

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo