Narrador esportivo Paulo Stein morre aos 73 anos, vítima da Covid-19

Foto: Reprodução/SporTV



Paulo Stein, narrador esportivo, morreu vítima de Covid-19 na manhã deste sábado (27). O jornalista tinha 73 anos e não resistiu as complicações da doença, segundo o UOL Esporte apurou com familiares.

De acordo com familiares, o corpo do jornalista esportivo será cremado, atendendo a um pedido pessoal. Em nota, a Associação dos Cronistas Esportivos do Rio de Janeiro (Acerj) lamentou o falecimento.

“A Acerj lamenta informar que morreu neste sábado, dia 27, o jornalista Paulo Stein, 73 anos, por complicações da covid-19, no hospital Anchieta, no Caju. Referência do jornalismo esportivo, Paulo Stein será cremado no Caju na tarde deste domingo, na presença apenas da família”, comunicou a entidade.

Stein apresentou sintomas do novo coronavírus na quarta-feira (24) e procurou o Hospital Rocha Maia, em Botafogo, no Rio de Janeiro. No dia seguinte, foi transferido para o Hospital Estadual Anchieta, no bairro Caju.

STEIN ESTAVA COM VACINAÇÃO MARCADA

O jornalista já estava com data marcada para receber primeira dose da vacina contra a Covid-19. A aplicação ocorreria nessa sexta-feira (26). 

SEGUNDA MORTE DE NARRADOR EM MENOS DE 24 HORAS

O narrador Edson Callegares Bortolomasi, morreu nesta sexta (26) por complicações causadas pela Covid-19, Ele se tornou famoso pelo bordão “sabe de quem?” usado quando o time do Santos marcava. A frase se tornou mais conhecida nacionalmente a partir do uso pelo narrador Luis Roberto, da Rede Globo.


Diário do Nordeste