Nabor Wanderley é investigado pelo MPF por uso de sistema de comunicação na campanha



O Ministério Público Federal (MPF) instaurou inquérito civil com o objetivo de apurar o uso ilícito do Sistema Itatiunga de Comunicação para benefício da candidatura política do Deputado Estadual Nabor Wanderley.

A decisão foi publicada no Diário eletrônico do MPF desta quarta-feira (2). A portaria é assinada pelo procurador da República Tiago Misael de J. Martins.

De acordo com o texto da portaria, o inquérito visa realizar a regular e formal coleta de elementos destinados a auxiliar a formação de convicção ministerial acerca dos fatos. Nabor Wanderley é proprietário do sistema de comunicação e poderia tê-lo usado em favor de sua campanha política.

Clickpb




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.