Mulher afirma que deixou cartão do Bolsa Família nas mãos de empresário para poder alimentar família. Escute



Um caso de exploração de pessoas beneficiárias do programa  Bolsa Família na cidade de Patos veio à tona durante esta semana em virtude da Operação Policial denominada Disque Denúncia.

Na operação foram presos dois empresários da cidade de Patos, sendo um deles o senhor Romero Lourenço da Costa, que além da posse de algumas armas de fogo, ainda estava retendo cerca de 200 cartões do programa Bolsa Família, todos pertencentes a pessoas que obtiveram algum tipo de adiantamento com ele, seja em dinheiro ou em produtos de supermercado, já que o mesmo é dono de um estabelecimento comercial. 

Nesta quinta-feira, dia 28, uma mulher que também teve seu cartão retido pelo empresário, informou à reportagem que adquiriu alguns produtos alimentícios no supermercado do senhor Romero, sendo que em troca teria deixado o cartão do benefício nas mãos dele, para que o mesmo realizasse o desconto do valor comprado.

Segundo informou a vítima, o dinheiro recebido é R$ 250,00, onde o empresário descontava o valor de R$ 180,00, como prestação do dinheiro gasto, mais os juros em cima desse valor.

A beneficiária disse que recorreu ao empresário pois estava passando necessidades em casa, inclusive para alimentar sua filha de 5 anos de idade.

Apesar da mesma ter aceitado tal proposta, essa prática de emprestar dinheiro a juros exorbitantes se configura como algo ilegal. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Saiba mais detalhes na entrevista que segue.

 

Matéria por Patosonline.com

Imagem – Ilustrativa