MPF investiga repasses insuficientes para a manutenção do SUS em Patos



O Ministério Público Federal (MPF) instaurou inquérito civil para apurar situação de repasses financeiros para a área da Saúde em Patos, no Sertão paraibano. A portaria foi publicada no diário eletrônico do MPF desta segunda-feira (14).

De acordo com a portaria, já havia um procedimento preparatório sobre o tema, instaurado a partir de relatórios de pagamentos encaminhados pela Secretaria Municipal de Saúde do  Município de Patos, prestando informações sobre a situação dos repasses de verbas federais  para a saúde do município, uma vez que os valores lançados pelo Fundo Nacional de Saúde/Ministério da Saúde seriam insuficientes para as necessidades do município. 

A secretaria informou nesses relatórios também que o valor repassado seria inferior ao montante pago mensalmente nos blocos, o que tornaria impossível o cumprimento do financiamento do SUS.

Clickpb




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.