Locais

Morte da ex-prefeita Geralda Medeiros, primeira mulher a governar Patos, completa 29 anos nesta quinta-feira

ÓTICAS GUIMARÃES

A morte da ex-prefeita Geralda Freire Medeiros, primeira mulher a governar os destinos de Patos, completa nesta quinta-feira, 29 anos. A ex-gestora faleceu em 5 janeiro do ano de 1994, na Capital do Sertão.

Geralda Medeiros foi eleita prefeita de Patos na eleição de 15 de novembro de 1988, e governou o município entre 1 de janeiro de 1989 e 31 de dezembro de 1992. Ela assumiu o lugar do ex-prefeito Rivaldo Medeiros, com quem era casada, e deu lugar ao médico e ex-prefeito, Ivânio Ramalho, eleito no último ano de seu mandato.

No pleito de 1988, Dra. Geralda (PL), obteve 12.450 votos dos patoenses, vencendo o ex-prefeito Edmilson Fernandes Mota (PMDB), seu principal opositor, que recebeu 10.353 votos. O então vice-prefeito de Patos, Virgílio Trindade (PDT), ficou com 681 votos e a professora Geralda Medeiros Nobrega, candidata pelo PT, recebeu 676 votos.

Antes de ser prefeita, em 15 de novembro de 1986, ela foi eleita deputada estadual para representar Patos e a Paraíba, com 12.919 votos em todo o estado, sendo destes, 6.269 em Patos.

Nascida em 16 de outubro de 1932, Dra. Geralda faleceu no ano em que completaria 62 anos de idade, e após deixar o comando da Prefeitura de Patos, ela não teve a oportunidade de disputar nenhum outro mandato eletivo.


Por Genival Junior – Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo