Moradores fazem “vaquinha” e contratam máquinas para limpeza de terrenos no Conjunto Noé Trajano, em Patos



Os moradores da Rua Francisca Alves Marinho, no Conjunto Noé Trajano, em Patos, decidiram promovem uma cota financeira, a chamada “vaquinha”, para contratar máquinas para realizar serviços de limpeza em trecho da comunidade.

Terreno antes da limpeza

Na manhã desta sexta-feira, dia 31, trabalhadores usando retroescavadeira e uma caçamba fizeram a limpeza no terreno privado que está abandonado e também nos espaços públicos que estavam causando problemas na localidade.

Os serviços custaram R$ 800,00 e esse valor foi dividido entre os moradores Valdir, Cristiano, Luan, Ramalho, Rosário, Patrícia, Naiane, Reidson, Zorionaria, Firmino e Marinho. Bastaram algumas horas e o espaço ganhou novo aspecto.

A união garantiu a limpeza, mas causou revolta, pois o terreno é privado e o dono não promove limpeza e nem a comunidade sabe a quem pertence. Os moradores também pediram ao setor responsável da Prefeitura Municipal de Patos que tomassem providencias, mas a demora fez a “vaquinha” ser a solução. O senhor Valdir disse que existem trechos públicos com matagal, mas a prefeitura não tem promovido ações para resolver.


Jozivan Antero – Patosonline.com