• Dra Milena
Regional

Moradores denunciam falta de energia em Santa Gertrudes e cobram serviço de qualidade da Energisa

Veja o vídeo enviado pelas denunciantes para a redação do Patosonline.com

ÓTICAS GUIMARÃES

A moradora Letânia, do Conjunto Novo de Santa Gertrudes, distrito de Patos-PB, entrou em contato com a reportagem do Patosonline.com para fazer um desabafo, na manhã desta quinta-feira (3). Segundo a moradora, faltou energia ontem na sua rua e até o momento a Energisa não resolveu o problema.

Ela disse que uma equipe foi lá tentar resolver o problema, mas fez uma gambiarra e apenas algumas casas tiveram a energia restabelecida. Ela contou que uma casa tem energia e outra não e que não esperava um serviço dessa qualidade partindo da empresa Energisa. Letânia disse que paga energia em dias, mas o serviço é falho.

“Ontem, por volta de 1h da tarde faltou energia e a equipe veio chegar aqui por volta das 17h para consertar o problema, mas deixou só um lado funcionando. A Energisa faz gambiarra agora que eu não sabia? Tem energia em umas casas e em outras não. Nós como moradores, precisamos de melhorias nos serviços da Energisa, porque não é de hoje que nós estamos sofrendo com esse problema. Faltou energia ontem de 13h, e agora são 8h da manhã e ainda não chegou. Aqui nós temos crianças, idosos. Estamos revoltados, precisamos de ajuda para resolver o problema”, denunciou Letânia.

Já a moradora Joselânia afirmou que as equipes vão ao local, mas voltam sem ter conseguido resolver o problema. Ela falou que vê a hora perder os equipamentos das casas com a instabilidade na energia.

“Estou revoltada, porque sofremos com esse problema não é de hoje. Eles não conseguem dar jeito na falta de energia. Eles vêm e só falam que é difícil de resolver o problema. Vejo a hora danificar nossos eletrodomésticos”, lamentou.

Veja o vídeo enviado pelas denunciantes para a redação do Patosonline.com:

OUTRO LADO

O Patosonline.com tentou um contato com a Energisa através de sua assessoria, mas até o momento não obtivemos resposta. Fica aqui o espaço aberto para a versão da empresa sobre a referida denúncia.

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo