Politica

Mineral diz que não é candidato a deputado federal

O deputado estadual, Antônio Mineral (PSDB), foi o entrevistado do programa Radar, na Rádio Espinharas de Patos na manhã deste sábado, dia 30 de maio, abrindo a rodada de entrevistas com os deputados da cidade de Patos.


 


O programa Radar, comandado pelo jornalista Marcos Oliveira, convidou Antônio Mineral, obedecendo a ordem alfabética. Depois de Mineral, serão convidados: Dinaldo Wanderley (PSDB), Francisca Motta (PMDB) e Socorro Marques (PPS).


 


Durantre a entrevista Mineral disse que não será candidato a deputado federal, apesar de ter seu nome lembrado pelos amigos e correligionários. Ele agradeceu as afirmações do colega Dinaldo Wanderley, que declarou que se Mineral disputar uma vaga na Câmara Federal, terá o seu apóio, ou seja, o apóio de Dinaldo.


 


Antônio Mineral disse que o melhor nome de Patos, no momento para disputar uma candidatura de deputado federal por Patos e região, é Dinaldo Wanderley.


 


O entrevistado disse que votará em Cícero Lucena para governo da Paraíba nas próximas eleições, e que não acredita em uma aliança entre o grupo comandado por Cássio Cunha Lima, e Ricardo Coutinho (PSB). “Ricardo Coutinho é situação, ele votou em José Maranhão”, declarou o deputado Mineral.


 


Fechando a entrevista, o deputado teceu críticas as administrações de José Maranhão (no comando do governo), e de Nabor Wanderley (no comando do município de Patos).


 


Redação do Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close